PIB do Brasil no 2º tri fica em 33º lugar em ranking com 35 países
28 ago 2015 às 8:02 pm

PIB do Brasil no 2º tri fica em 33º lugar em ranking com 35 países

banner-economia-940x380O desempenho da economia brasileira no segundo trimestre colocou o Brasil na 33º posição em uma lista de 35 países, segundo ranking elaborado pela agência de classificação de risco braisleira Austin Rating.

O Produto Interno Bruto (PIB) recuou 1,9% no segundo trimestre, em relação aos três meses anteriores, e o país entrou na chamada “recessão técnica”, que ocorre quando a economia registra dois trimestres seguidos de queda. No comparativo contra o 2º trimestre de 2014, o tombo foi de 2,6%.

No ranking da Austin Rating, que considera o desempenho na comparação com o mesmo período do ano anterior, o Brasil ficou à frente somente da Rússia e a Ucrânia, que amargaram retração de 4,6% e 14,7%, respectivamente.

A China lidera o ranking, com um crescimento de 7%, seguida por Filipinas (5,6%) e Malásia (4,9%). Veja ranking mais abaixo

A agência prevê que o Brasil fechará o ano com uma retração de 2,1%, e projeta queda de 0,3% em 2016.

“Se confirmado nossa estimativa de retração do PIB brasileiro no biênio 2015-2016 será o pior desempenho econômico do Brasil em 85 anos. Ou seja, a última vez que o Brasil anotou queda do PIB por dois anos consecutivos foi em 1930 (-2,1%) e 1931 (-3,3%) refletindo, em parte, o crash da bolsa de Nova York em 1929 e o ambiente político nacional conturbado com o fim da oligarquia paulista devido a revolução de 1930”, destaca a Austin Rating.

austin1

G1

Comente